Archive for the ‘Bem vindo ao Hotel Califórnia’ Category

Bem vindo ao Hotel Califórnia – Parte final.

outubro 13, 2009
Ivan e sua sede de sangue

Ivan e sua sede de sangue

Eu tinha conseguido despistar Damon e Ivan entrando na primeira porta que encontrei aberta. A minha infelicidade é que tinha gente no quarto. Ou pelo menos eu achava que era… Uma criatura deformada deitada em cima da cama começou a gritar quando me viu. Sem saber como calar a boca daquela criatura e assustado com a feiúra daquilo, eu acabei atirando nela. Os gritos acabaram, mas não dava mais pra ficar ali. Eu então tranquei a porta e corri pra janela. Saltei para o parapeito do prédio e fui seguindo até chegar a uma das salas de recreação, que felizmente estava vazia. Lá eu tirei a máscara e me preparei para descer e finalmente partir daquele hotel desgraçado.

Eu não podia acreditar no que a minha vida tinha se tornado em apenas um dia: me tornei um ladrão de farmácias, assassino, roubei traficantes e me envolvi com uma mulher fenomenal. E a parte mais curiosa é que esse dia parecia não querer acabar…

Eu já estava descendo para o primeiro piso do hotel quando ouvi Ivan gritar:

– Volta aqui, filho da… (more…)

Bem vindo ao Hotel Califórnia – parte IV

setembro 22, 2009

Aquela noite realmente parecia não ter fim… E eu mal sabia que ela duraria muito mais do que aquilo…

Lilith já tinha decido fazia uns dez minutos e eu ainda pensava no que ela tinha me contado da transação entre Ivan e o tal Damon. Segundo ela, Damon curtia se reunir pra tomar umas e jogar cartas com o Ivan depois de fazer a transação. Esse seria o momento mais adequado pra meter a mão na bufunfa. O único problema seria o guarda-costas…

Jin, O Guarda-costas

Jin, O Guarda-costas

Segundo ela, essa tal Jin se orgulhava de ser uma arma viva. O cara atirava bem, era especialista em facas, matava com as mãos e se bobeasse até com o pensamento… Se eu quisesse pegar a grana, teria que dar um jeito nesse filho da mãe. (more…)

Bem vindo ao Hotel Califórnia – Parte III

agosto 27, 2009

Depois do showzinho dado pelo russo, o bar voltou ao marasmo habitual. Eu bebi mais uns três “conhaques” e tomei mais umas pílulas pra não perder o barato e resolvi sair dali, afinal só alguns minutos me separavam do encontro que eu ia ter com Lilith. Sabe como é… Quanto mais perigoso, mais gostoso fica…

O misterioso visitante

O misterioso visitante

Saindo do bar, eu escutei uma movimentação na parte de baixo, mais precisamente na recepção. Olhando pra lá, vi um homem vestindo um terno impecável. Ele estava acompanhado de um segurança e parecia destoar muito do buraco em que estávamos. Por um minuto ele olhou pra cima e o seu olhar cruzou o meu. Cara! Eu tenho que confessar que gelei. Eu não sabia quem era o cara, mas naquele momento já percebi que não seria alguém com quem eu gostaria de meter… Essa certeza eu tive desde o início… Mais umas pílulas pra dentro e segui pro tal terraço. A porta estava encostada e, ao passar por ela, encontrei a Lilith em pé, olhando pro nada que ficava à frente do hotel. Ainda sem se virar, ela disse: (more…)

Bem vindo ao Hotel Califórnia – Parte II

agosto 23, 2009

Eu já estava no quarto me entupindo de pílulas roubadas há quase meia hora quando decidi conferir o que rolava no bar. Cara, aquelas pílulas me deixaram mais ligado que refletor de estádio em dia de final! Eu só queria esquecer que abandonei o meu melhor amigo… E que lugar melhor que um bar no meio do nada?

Eu entrei no bar e numa rápida olhada já vi que não era grandes coisas… Eu olhei pro barman e disse uma coisa que eu sempre quis dizer:

– Eu quero a melhor bebida que você tiver!

Ele olhou pra minha cara e disse:

– Não vejo essa disposição aqui há muito tempo! Conhaque ou vodka?

Caine, o barman especialista em mijo de gato

Caine, o barman especialista em mijo de gato

Pedi um conhaque e ele trouxe algo que parecia mijo de gato. Mas eu nunca fui exigente nem com álcool e nem com drogas, então bebi rápido e pedi o segundo. Ele sorriu e caprichou na dose. Tornei a olhar para os freqüentadores do local… Uma meia dúzia de gatos pingados espalhada pelo bar, um barman e uma rodinha de playboys. Nada interessante… Pelo menos até ela aparecer. (more…)

Bem vindo ao Hotel Califórnia

agosto 18, 2009
Bom pessoal,
Há um tempo atrás nós publicamos um Top 5 com as músicas que dariam filmes (https://surtocoletivo.wordpress.com/2008/12/27/top-5-musicas-que-dariam-filmes/). Listada no quarto lugar estava a música Hotel Califórnia do Eagles. Sempre achei essa música fascinante e sempre quis contar a minha versão dessa estória. Então, aqui segue a primeira parte de um conto inspirado nela.
Espero que vocês gostem.
Boa leitura!
Este poderia ser o inferno ou o céu...

Este poderia ser o inferno ou o céu...

Eu lembro daquele dia frio de novembro como se fosse hoje. Lembro da cara animada do Mike dizendo que seria mole conseguir assaltar aquela farmácia. Ele tinha o esquema todo de horários e de quem ficava no plantão noturno, afinal o cara saiu com uma das balconistas durante 2 meses só pra isso. Com essas informações nós poderíamos entrar, roubar as drogas e o dinheiro e sair sem problema nenhum. Pelo menos era o que pensávamos… (more…)